Portal de Noticias

  1. Início
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Saúde
  6. /
  7. Situação dos hospitais públicos...

Situação dos hospitais públicos estaduais da Grande Florianópolis nesta quarta-feira

A Secretaria de Estado da Saúde informa, a seguir, a situação dos hospitais estaduais da Grande Florianópolis, nesta quarta-feira, 31, dia marcado pela paralisação de médicos de todo o Brasil.

Nesta quarta-feira, 31, até o final da manhã, a emergência do Hospital Celso Ramos, em Florianópolis, estava atendendo 35 pessoas. A situação é de normalidade. Segundo informações da instituição, não havia nenhum paciente em estado considerado grave nesta manhã. Nas últimas 24 horas, o Celso Ramos recebeu, na Emergência, 222 pessoas. Deste total de atendimentos, 107 foram do setor de ortopedia.

Por conta do movimento de paralisação dos médicos, no Hospital Celso Ramos cirurgias eletivas foram canceladas e atendimentos ambulatoriais também. No entanto, a Emergência, assim como as cirurgias de emergência, estão ocorrendo normalmente.

No Hospital Regional de São José havia, na emergência geral, 107 pacientes até o final da manhã desta quarta-feira. Havia seis pessoas aguardando consulta, 23 sendo atendidas e 11 pacientes considerados graves. O atendimento é feito de acordo com a gravidade dos casos, a partir da classificação de risco que é realizada com cada paciente que chega.

Nas últimas 24 horas, de acordo com as informações da direção do Hospital Regional de São José, o setor de emergência atendeu 276 pacientes. Na emergência pediátrica, 127 crianças foram atendidas. O quadro geral do Hospital Regional de São José é de 313 pacientes internados. Ao todo, 38 internações foram feitas nas últimas 24 horas.

A paralisação dos médicos, marcada para esta quarta-feira, afetou unicamente o setor de oftalmologia do Hospital Regional de São José. Apenas os atendimentos de emergência e pós-operatório em oftalmologia estão sendo feitos.

Nos demais hospitais estaduais da Grande Florianópolis, não houve grandes alterações na rotina. No Instituto de Cardiologia, alguns procedimentos ambulatoriais foram previamente cancelados. Mas todos já foram reagendados. No Centro de Pesquisas Oncológicas (Cepon), foram canceladas algumas consultas eletivas. Na Maternidade Carmela Dutra e no Hospital Nereu Ramos o atendimento não sofreu alterações. A Emergência do Hospital Florianópolis também está funcionando normalmente.

No Hospital Regional de São José, cerca de 80% dos casos que chegam à Emergência são ambulatoriais, ou seja, são situações que podem ser resolvidas nos postos de saúde. Por isso, a Secretaria de Estado da Saúde orienta a população a primeiro procurar os centros de saúde dos seus municípios. Os postos de saúde e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) estão aptos a atender situações de urgência, que são aqueles em que a pessoa não corre riscos. São casos, por exemplo, de febre e dores generalizadas. Os casos mais graves serão encaminhados para os hospitais.

Informações adicionais:
Ana Paula Bandeira
Secretaria de Estado da Saúde
E-mail:
anap@saude.sc.gov.br

O endereço de e-mail address está sendo protegido de
spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê
Telefone: (48) 9113-6065

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support