Agência de Notícias SECOM

  1. Início
  2. /
  3. Segurança Pública
  4. /
  5. Polícia Científica é homenageada...

Polícia Científica é homenageada na Alesc por atuação no atentado à creche de Blumenau

Na manhã desta quinta-feira, 13, deputados estaduais catarinenses suspenderam os trabalhos durante a sessão ordinária na Assembleia Legislativa para aplaudir a Polícia Cientifica de Santa Catarina.  O deputado estadual, delegado Egídio Ferrari, que presidia os trabalhos, concedeu Moção de Aplauso à instituição de Perícia Oficial pela destacada atuação das equipes no atendimento ao atentado à Creche Cantinho Bom Pastor, ocorrido no mês de abril deste ano em Blumenau.

Deputado Egídio Ferrari concede Moção de Aplauso à PCI. Fotos: Bruno Collaço/Agência AL.

“A sociedade catarinense precisa reconhecer o trabalho dos policiais científicos. Em minha experiência como delegado de polícia, lembro nas madrugadas que, quando tocava o telefone da Polícia Civil, também era chamada a Polícia Científica, e ali começávamos a fazer Justiça. Aproveitando como exemplo o evento ocorrido em Blumenau, onde mais uma vez pude acompanhar o trabalho comprometido dos profissionais, transmito essa homenagem a todos os peritos oficiais e agentes de perícia de Santa Catarina”, enaltece Egidio Ferrari.

A perita-geral da Polícia Científica, Andressa Boer Fronza, participou da solenidade acompanhada do perito-geral adjunto, Douglas Balen, e uma comitiva de 10 servidores da Superintendência Regional em Blumenau. Andressa Fronza utilizou a tribuna do parlamento catarinense para agradecer aos parlamentares pela Moção de Aplauso, especialmente ao deputado Egídio Ferrari, que propôs a homenagem.

Andressa Fronza reconhece impacto do atentado sobre agentes de segurança.

“Como servidores públicos, nos sentimos honrados em ver a instituição pericial em destaque e ter nosso trabalho reconhecido publicamente pelos nobres deputados na Casa do Povo. O trágico episódio ocorrido em Blumenau realmente exigiu muito de todos que atuaram, pelo forte componente emocional que envolve o atendimento a ocorrências dessa natureza. Por isso, parabenizo a todos e manifesto meu orgulho em fazer parte de uma equipe tão profissional e compromissada em cuidar dos catarinenses”, afirma a gestora da PCI.

O perito-superintendente de Polícia Científica em Blumenau, Tiago de Camargo Barros Luchetta, liderou uma comitiva de 10 servidores que vieram até a capital receber a homenagem. Luchetta relembra com pesar do dia do atentado, reconhecendo o forte impacto absorvido não só pelos servidores da PCI, mas, de forma geral, pelos agentes de segurança que atenderam a trágica ocorrência.

Superintendente Tiago Luchetta exalta profissionalismo dos servidores.

“O caso exigiu grande superação das equipes, considerando a natureza adversa às situações que enfrentamos normalmente e dado o nível de extrema violência e barbaridade. Mesmo sofrendo com a dor das famílias e abalados pela grande comoção popular, nossos servidores atuaram com o máximo de profissionalismo e agilidade para que os corpos fossem devolvidos às famílias. Era o mínimo que poderíamos ter feito naquele momento”, relata.

Prestação de contas

A perita-geral também usou a tribuna para prestar contas acerca dos trabalhos realizados no primeiro semestre de 2023 pela Polícia Científica. Segundo ela, graças ao apoio fundamental do Governo do Estado no atendimento às principais demandas do órgão, bem como à competência e dedicação dos policiais científicos, a PCI fechou o primeiro semestre do ano com resultados recordes em suas operações e conquistas importantes em relação à gestão e ao aprimoramento dos serviços.

Perita-geral divulga resultados obtidos no 1º semestre aos parlamentares.

Entre as principais realizações, Andressa Fronza anunciou que Santa Catarina foi o estado que mais emitiu documentos de identidade no país, com o novo modelo da carteira de identidade nacional-CIN. O estado também está entre os únicos quatro que consolidaram a emissão do documento federal em todo seu território. A gestora destacou ainda os avanços obtidos nas operações, como os mais de 300 mil documentos de identificação emitidos de janeiro a junho, e os recordes na produção de laudos periciais e atendimento a exames.

Avatar
Escrito por:

Polícia Científica

Assessoria de comunicação da Polícia Científica de Santa Catarina

Ver todos os posts

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support